ANVISA proíbe dois cosméticos sem registro

Empresas fabricantes não tinham autorização para produzir ou vender os produtos.

Por: Ascom/Anvisa

Publicado: 15/08/2018 17:22

Última Modificação: 15/08/2018 17:28

Foi publicada nesta quarta-feira (15/8), no Diário Oficial da União, a proibição de dois produtos para cabelo por problemas no registro.

A empresa fabricante do Forever Liss Btox havia solicitado notificação do produto, mas como o cosmético tem características de um produto alisante, deveria ser registrado na Anvisa. Após comprovação da fabricação e comercialização do produto, pela empresa Aguss Indústria e Comércio De Cosméticos LTDA-ME., em desacordo com a resolução vigente, o Forever Liss Btox foi proibido.

O produto Keraprimer não possuía registro nem cadastro na Agência. Também foi determinada a proibição do cosmético, da marca Keragel, fabricado pela empresa Ipoal Indústria De Produtos Para Ótica e Aerosol Ltda., por não ter registro ou notificação na Anvisa até a data 12/04/2017. O cosmético também é vendido como alisante de cabelos.

Com a comprovação da ausência de registro ou notificação, foi determinada a proibição da distribuição, comercialização e uso dos produtos fabricados até a data mencionada.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress spam blocked by CleanTalk.